Blog BancoImóvel

Novo panorama da economia promete aquecer o mercado imobiliário em Campinas, Paulínia e região

Placas de vende-se e aluga-se nunca foram tão fáceis de ser encontradas na região de Campinas, Paulínia e cidades vizinhas. A cada esquina, uma placa. Em cada rua, diversos imóveis à procura de um novo inquilino ou dono. Já houve dias melhores para fazer negócio, principalmente comparado com os últimos tempos.

Os últimos três anos foram os mais difíceis, principalmente para a economia brasileira, agravados pela crise política. E o mercado imobiliário sofreu o impacto da instabilidade que assolou o Brasil durante o período.

Segundo a Folha de S. Paulo – através da uma pesquisa da FGV –, no último ano o déficit habitacional em nosso país atingiu o maior nível da última década. Os motivos foram diversos: alta do aluguel, desemprego, deterioração da economia. O resultado? Imóveis vazios e insegurança para investir em novos negócios.

O que é o déficit habitacional? É o número de unidades necessárias para suprir a demanda habitacional no país – inclui casos de ônus excessivo com o aluguel, moradias precárias, de coabitação familiar e adensamento excessivo.

Fonte: Estudo da FGV e da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias.

De acordo com o Gilberto Marmol, um dos sócios do BancoImóvel, em 2018 os principais desafios para o mercado imobiliário foram diversos: “A falta de confiança no mercado interno, ocasionando incertezas quanto a empregabilidade, diminuíram sensivelmente o apetite da população em investir em imóveis”, afirma Gilberto

Novo panorama da economia | BancoImóvel
Imagem: reprodução

2019: Novo governo. Novos negócios

Diversos especialistas afirmam que a crise do mercado imobiliário já é fato superado; outros, mais cautelosos, alegam que a virada de mesa está ocorrendo agora no início de 2019. Mas todos concordam em dizer que os negócios já são diferentes dos anos anteriores.

“O povo brasileiro é muito resiliente, já estamos sentindo nos negócios imobiliários o efeito psicológico ocorrido devido chegada de um novo governo, o reflexo tem ocorrido principalmente na locação de imóveis comerciais, muitos empresários e investidores tirando projetos da gaveta e colocando em pratica. Tivemos um incremento nos últimos dois meses de aproximadamente 35%, se comparado ao mesmo período no ano anterior”, complementa Gilberto, que possui a imobiliária BancoImóvel há alguns anos em Campinas e Paulínia.

Os especialista estão corretos. De acordo com a CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), o último trimestre de 2018 foi um divisor de águas, uma vez que houve um aumento de 30,1% de lançamento de imóveis em relação ao mesmo trimestre de 2017. As vendas também tiveram um crescimento de 23,1% comparado ao mesmo período. O crescimento deve refletir no crescimento de imóveis para alugar e, consequentemente, de uma maior competitividade e oferta.

Ainda de acordo com o órgão citado, 14 regiões brasileiras apresentaram melhora de vendas em comparação com o mesmo período do ano passado. São Paulo é o destaque da lista, que possui Campinas e Paulínia como mercados potenciais.

Para 2019, o melhora do mercado imobiliário não é mais uma expectativa. Já é uma realidade. O fortalecimento da economia vai consolidar de um mercado mais competitivo e promissor, tanto para construtoras, investidores, imobiliárias, inquilinos e compradores.

Imóveis em Campinas, Paulínia e região

O otimismo já é sentido no mercado imobiliário de Campinas e Paulínia. Em bairros como Cambuí Cambuí, Barão Geraldo, Mansões Santo Antônio, Botafogo e até mesmo no Centro à procura por novos imóveis tem feito o negócio girar na região.

Em Campinas, por exemplo, há apartamentos recém-lançados pronto para morar. A faixa de valor de aluguel vai de R$ 600,00 até R$ 3.000,00. O valor depende do bairro, do tamanho do imóvel e da comodidade oferecida pelos condomínios.

O BancoImóvel possui inúmeros apartamentos e casas cadastradas à disposição de um novo inquilino ou proprietário. As facilidades aumentam com as 9 maneiras de alugar um imóvel no BancoImóvel, 8 delas sem a necessidade do uso do fiador. “Nosso know how na área de concessão de crédito, associado as diversas ferramentas de consulta que dispomos, nos possibilita utilizar não somente formas de garantias locatícias tradicionais, mas também outras menos usuais, porem alinhadas com a lei do inquilinato, isto dá maior segurança no processo e potencializa um maior número de fechamentos, diminuindo sensivelmente o período de vacância dos imóveis que trabalhamos.” explica Gilberto, que garante os melhores negócios imobiliários de Campinas, Paulínia e região metropolitana.

Conheça o BancoImóvel: https://www.bancoimovel.com.br

Ligue: 19 2515.2800

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *